La casa del pelícano

casaLa casa del pelícano, de 1976 e dirigido por Sergio Véjar, é um filme com temática complexa e marcante que deu origem a diversos estudos sobre patologia clínica. Na trama, Jacqueline Andere interpreta Margarita Ramirez, uma professora que vive com a tia em um pequeno bairro no México. Na cidade há um homem com sérios problemas mentais (interpretado por Frederico Falcón) que sempre assusta todo mundo – menos Margarita que é uma mulher doce e muito solista.

Um dia, quando volta da escola se depara com o “louco” que a ameaça com uma faca e a estupra. Margarita engravida e passa por um conflito: de abortar ou não. Com a tia religiosa sempre ao seu lado (e influenciando-a), decide gerar a criança e entrega-la ao orfanato.

Quando o filho de Margarida nasce ela reluta em olhar para ele (evidenciando uma relação de ódio e amor) até que, quando o vê pela primeira vez, decide cria-lo. O menino cresce e Margarita se torna uma mãe possessiva, defendendo-o em brigas escolares e o impedindo de se relacionar com outras crianças.

O tempo vai passando e a relação se torna doentia, ninguém pode chegar perto do garoto, até que ele fica adulto e se apaixona por Engracia (interpretada por Daniela Romo). Finalmente, cansando da relação conflituosa com a mãe, decide ir embora. Margarita fica louca, faz de tudo para mantê-lo em casa, os dois chegam a se atacar fisicamente na cozinha… a situação se descontrola e o fim da trama caminha para uma trágica conclusão.


Fotos:

danielarm

daniela


Assista ao filme:


Anúncios